Você sabe o que é bexiga caída? Descubra tudo no artigo da Dra. Monize

Você sabe o que é bexiga caída?

15 de setembro de 2017

O termo médico para a conhecida “bexiga caída, bexiga baixa, bola na vagina, útero arriado ou útero baixo” é distopia ou prolapso genital, que é a queda pelo canal vaginal de qualquer órgão pélvico, como bexiga, uretra, útero, intestino e/ou reto.

Mas por que isso acontece?

Isto ocorre após um enfraquecimento dos músculos e ligamentos que formam o assoalho (ou pavimento) pélvico. Esse assoalho é responsável por sustentar os órgãos dentro da pelve, porém, quando há uma fragilidade, os órgãos se insinuam (“caem”) pelo canal vaginal, aparecendo às famosas “bola na vagina”.

Essa fragilidade pode acontecer dependendo da idade da paciente, do número de partos vaginais, tamanho e peso do recém-nascido, número de gravidez, história de obesidade, menopausa, cirurgias vaginais prévias e desordens do colágeno (que tem forte ligação com a genética da paciente)

Atenção!

É muito importante não confundir com a incontinência urinária (perda de urina), pois são duas doenças distintas, com tratamentos diferentes e que podem ou não estar associadas.

Existem distopias sem perda de urina e perdas de urina sem distopias!

Qual é o tratamento da doença?

Os prolapsos genitais possuem diversos tratamentos, pois dependem do seu grau de gravidade e da localização do problema.

Pode ser realizados desde exercícios em casa, mudança de estilo de vida, fisioterapia com profissional habilitado, até pessários e cirurgias para casos mais avançados.

A correção cirúrgica dos defeitos em parede anterior da vagina (parede vaginal que sustenta a bexiga) e posterior (parede que sustenta o reto e o intestino) pode ser realizada com reforço dessa parede (correção sítio específico) ou através de correção com telas sintéticas. Estas cirurgias são conhecidas como perineoplastia (plástica perineal).

Já os defeitos da parede que sustenta o útero podem ser corrigidos com a retirada do útero (histerectomia vaginal) ou mantendo o órgão, dependendo da indicação específica para cada procedimento.

As correções cirúrgicas da perda urinária (incontinência) não são obtidas com as perineoplastia, e sim com outro procedimento específico para esse fim, por exemplo, os Slings.

Por que me preocupar com os prolapsos genitais?

Essa patologia é uma condição ginecológica que não ameaça a vida, mas como piora ao longo do tempo, pode afetar intensamente a qualidade de vida das pacientes, causando um grande impacto psicológico, social e financeiro.

É difícil saber oficialmente quantas pessoas são acometidas por esse problema, uma vez que muitas mulheres o escondem ou o aceitam como consequência natural do envelhecimento, assim como ocorre com as incontinências urinárias.

Então se você tem alguma dessas patologias, não se esconda! Busque sua qualidade de vida.

Procure um ginecologista ou um uroginecologista!

Monize Paes Leme

Ginecologista, Uroginecologista e Obstetra

CRM 179152

 

Posted in ginecologia by Clinicafares | Tags: , ,
Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE