Doenças do coração: 5 sinais que merecem atenção

Doenças do coração: 5 sinais que merecem atenção

28 de setembro de 2018

Umas das principais causas de óbito no mundo são as doenças cardiovasculares.

Portanto, reconhecer os sinais de doenças no coração e procurar um médico o quanto antes é uma forma bastante eficaz para ter se prevenir e evitar problemas futuros.

Abaixo você pode acompanhar cinco sinais que merecem atenção:

Dor no peito

Aquela dor no peito ou sensação de desconforto são sinais claros de ataque cardíaco, mas não quer dizer que seja. Às vezes pode ser algum problema menos grave.

Por exemplo, quando é uma isquemia cardíaca (doença nos principais vasos sanguíneos do coração, o peso forte no peito costuma ser à esquerda do peito. Muitas vezes acontece após esforço físico e vem com falta de ar e suor.

Desmaio e tontura

Estes dois sinais podem indicar problemas como estreitamento da válvula aórtica (dificuldade de bombeamento do sangue para o corpo), queda inesperada de pressão, coração grande (cardiomegalia) ou arritmias.

Palpitações

A impressão de que o coração está acelerado demais, pode ser arritmia cardíaca.

É comum acontecer palpitações quando a pessoa está realizando atividade física ou tem fortes emoções, mas se aparecer quando estiver deitada ou sentada e for freqüente, deve ser hora de procurar um médico.

Falta de ar

Falta de ar após subir escada ou fazer algum esforço é normal, inclusive se a pessoa não pratica atividade física.

Mas se observando, o problema for recorrente e haver falta de fôlego e dificuldade para respirar pode ser indícios de insuficiência cardíaca.

Dor nas pernas

Dores nas pernas freqüentes podem ser problemas nos vasos sanguíneos.

As doenças arteriais periféricas (diminuição do fluxo de sangue nas artérias) são fatores que aumentos as chances de infarto ou AVC.

 

Diabetes

Pacientes diabéticos tem uma predisposição ao infarto e quase sempre não se queixam de dor, e sim de um cansaço e ou fadiga, inclusive, hoje, a grande maioria dos cardiopatas coronarianas são diabéticos e não apresentam dores típicas e sim cansaço, e falta de ar (dispneia).

Prevenção

Ao menor sinal, é importante recorrer a cardiologia. Contudo, a ida no médico deve ser recorrente independente da idade para sempre se prevenir.

No mais, manter uma alimentação saudável, praticar atividade física com prescrição, evitar bebidas alcoólicas e fumo, são formas de evitar as doenças cardiovasculares.

Caso a pessoa já tenha tido alguma doença do coração, é importante fazer uma reeducação alimentar, praticar atividade física e evitar estresse no dia a dia.

Fonte: Instituto Lado a Lado Pela Vida

Dr. Ricardo Luiz Haddad

Cardiologista e Membro do Corpo Clínico da Clínica Fares

CRM 77577

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE