clínica geral - Clinica Fares

Alimentação durante a gravidez

11 de outubro de 2016

02171496900A necessidade de proteínas na gravidez é de cerca de 60g por dia, cálcio é de 1200mg e ferro de 15 a 30 mg. Carnes magras, aves, peixes, nozes, ovos, lentilha, feijões e queijo são boas fontes de proteína. é necessário evitar queijos não pasteurizados e carnes cruas ou malpassadas (podem conter bactérias ou passar toxoplasmose). O cálcio pode ser obtido em vegetais de folhas verdes, suco de laranja, leite, iogurte e queijo. O ferro é encontrado em peixes, aves, cereais ou grãos integrais, vegetais de folhas verdes, legumes, frutas secas, ovos, fígados e carne vermelha. Vitaminas e Suplementos Minerais: Algumas mulheres necessitam tomar suplementos vitamínicos para garantir o desenvolvimento adequado do feto. Pergunte ao seu médico sobre vitaminas e suplementos minerais.

Posted in clínica geral, ginecologia by Clinicafares | Tags: , ,
13 de maio de 2016

Você sabia que rir é ótimo para saúde? Pensando nisso, a Clínica Fares criou um Flash Mob divertido, onde um ator dava gargalhadas e incentivava com que os pacientes abrissem um lindo sorriso. Sorrir queima calorias, reduz estresse, libera endorfina, aumenta confiança e estimula o sistema imunológicos. Assista o vídeo abaixo : sorrir

15 de abril de 2016

Já tentou alcançar o Peso Certo e não conseguiu? Pensando em várias pessoas que sofrem com o mesmo problema. A Clínica Fares criou uma Websérie que acompanhará o emagrecimento do Roger, que já tentou de tudo para perder os quilos adquiridos em muitos anos de má alimentação e sedentarismo. pesocerto Na Clínica Fares, o Roger vai aprender a maneira correta e completa de emagrecimento com saúde.  Neste primeiro episódio, você vai  conhecer um pouco sobre o Roger e descobrir os principais motivos que fizeram ele ficar acima do peso. Se você se identificar, não se preocupe! Acompanhe a saga de emagrecimento do Roger e aprenda a maneira correta de emagrecer com saúde. Assista o primeiro episódio no nosso canal do youtube (click aqui)         

31 de março de 2016

O ronco causashutterstock_149296487 várias situações incômodas como a cefaleia, sonolência diurna, dificuldade de concentração e até alterações cardíacas. Ele torna “vítimas” apenas aqueles obrigados a dormir com esse barulho. De acordo com a Associação Brasileira do Sono, pelo menos três em cada dez brasileiros sofrem com o problema. Um cansaço ao acordar, dor de cabeça e irritação ao longo do dia são apenas dos sinais que o distúrbio provoca. Geralmente, um ronco frequente mostra que algo não vai nada bem no organismo.  

14 de março de 2016

A Hepatologia é área da medicina que estuda e diagnostica doenças relacionadas ao fígado. figado_clinicafares_hepatologista Essa área orienta ainda sobre a prevenção às hepatites virais seja por meio do uso de vacinas ou com a adoção de medidas que impedem a transmissão do agente viral. Exames de imagens como ultrassonografia e ressonância magnética, por exemplo, tornaram os diagnósticos de doenças hepáticas mais certeiros. As doenças do fígado são muitas vezes silenciosas e as mais comuns são: esteatose hepática, hepatites por vírus (A, B, C, D, E), doença hepática alcoólica, esquistossomose, hepatite autoimune e hepatite medicamentosa. Quando as doenças não são identificadas precocemente vão agredindo progressivamente o fígado, causando inflamação crônica com formação de fibrose, que leva a uma alteração da estrutura, endurecimento do fígado e destruição de células, os hepatócitos, o que caracteriza a cirrose hepática.

2 15 de dezembro de 2015

Da Redação   Quem nunca ficou na cama, acordado, esperando o sono que não vem que atire a primeira pedra. Nesta vida que levamos hoje, de muita correria e intensidade tecnológica (com o celular ao lado do travesseiro, por exemplo), a qualidade do sono é muitas vezes prejudicada.   Hoje venho dar a você umas dicas para higienizar a saúde do seu sono. A primeira é ter horários de sono regulares. Por isso, evite ir dormir às 22h na segunda-feira, à meia-noite na terça-feira e às 19h na quarta-feira, por exemplo. Quanto mais suas horas de ir dormir e de acordar são regulares, menos você vai estar cansado no final da semana.   Comer aquela lasanha de quatro queijos antes de ir dormir é furada! Prefira um jantar leve, pelo menos 2 horas antes de se deitar. Os carboidratos complexos, como macarrão ou arroz, são bons aliados, mas sempre em poucas quantidades.   E nada de estimulantes como café, álcool ou vitamina C. O ideal é evitar consumi-los após 17h, pois eles retardam o sono. E minha última dica é para você respeitar seu sono: deu o primeiro bocejo? Corra para a cama! É inútil resistir para ver o fim do filme porque você pode arriscar a qualidade do seu sono. Uma noite bem dormida é garantia de ânimo e energia para o dia seguinte. Então, seguir estas dicas podem organizar melhor sua merecida soneca!

Posted in clínica geral, dicas, novidades by Clinicafares
16 de julho de 2015

Apagar a luz para dormir não é o suficiente para ter uma noite bem dormida. Algumas luzes como a do rádio relógio, celulares e aparelhos eletrônicos atrapalham a produção da meletonina que é produzida pela glândula pineal. Esta é uma glândula localizada próxima ao cérebro e faz parte do sistema endócrino do corpo. A luz durante o sono pode causar muitos problemas, câncer, depressão e até mesmo ganho de peso.

Posted in clínica geral, dicas by Clinicafares
8 de junho de 2015

Imagine você ao abrir  os  olhos e querer sentar na cama e perceber que novamente não consegue mexer em uma das pernas, apesar de conseguir contrair alguns músculos você sente ela dura e pesada. Essa é a rotina de muitas pessoas que sofrem da sequela de AVE (Acidente Vascular Encefálico).  

Todos os anos há cerca de 1 em 5.000 pessoas sofrem AVE no Brasil e metade ficam com alguma sequela.
Dependendo da região do cérebro afetado, as sequelas são diferentes. Em muitos casos afetam o controle dos músculos de um braço e uma perna do mesmo lado. Como consequência diminui o controle voluntário deles além de aumentar a contração muscular involuntário, deixando eles rígidos e dificultando ainda mais o uso do braço e da perna.

Posted in clínica geral, neurologia by Clinicafares
Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE