nutrição - Clinica Fares

Papinha

28 de outubro de 2016

Está com duvidas sobre a hora certa de introduzir a papinha? Essa é uma duvida comuns de muitas mamães. Por isso, preparamos esse pequeno guia para esclarecer melhor esse assunto.

Quando introduzir a papinha?

A partir do 4º mês de vida, o bebê já pode começa a comer alimentos mais sólidos. E você já pode começar a dar a papinha de frutas (pela tarde) que vai funcionar como uma merenda adicionando mais  vitaminas naturais e fibra que são importantes para a saúde do bebê.

Quando o bebê pode comer a papinha salgada?

Dos 5 aos 5 meses e meio de idade pode se iniciar a primeira papinha salgada na alimentação do bebê. Você pode optar em preparar a papinha em casa é muito mais saudável e nutritivo.

Receita:

Papinha de batata

Ingredientes

1 batata Monalisa

2 a 3 colheres de sopa de leite materno ou infantil

Como fazer

Lave bem a batata e cozinhe até que ela fique macia. Deixe esfriar o suficiente para manusear. Amasse a batata adicionando leite materno ou infantil e sirva.

Posted in nutrição, pediatria by Clinicafares
15 de abril de 2016

Já tentou alcançar o Peso Certo e não conseguiu? Pensando em várias pessoas que sofrem com o mesmo problema. A Clínica Fares criou uma Websérie que acompanhará o emagrecimento do Roger, que já tentou de tudo para perder os quilos adquiridos em muitos anos de má alimentação e sedentarismo. pesocerto Na Clínica Fares, o Roger vai aprender a maneira correta e completa de emagrecimento com saúde.  Neste primeiro episódio, você vai  conhecer um pouco sobre o Roger e descobrir os principais motivos que fizeram ele ficar acima do peso. Se você se identificar, não se preocupe! Acompanhe a saga de emagrecimento do Roger e aprenda a maneira correta de emagrecer com saúde. Assista o primeiro episódio no nosso canal do youtube (click aqui)         

11 de fevereiro de 2016

Vamos aos fatos: aproximadamente 250 milhões de pessoas no mundo tem sobrepeso ou obesidade, sendo que, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), quase todos os países sofrem dessa epidemia, inclusive o Brasil.   A principal causa da obesidade costuma ser o desequilíbrio entre o consumo de alimentos e o gasto de calorias. Ah, mas é só uns quilinhos a mais, não é nada disso! Errado!  Um biscoito ali, um salgadinho de pacote acolá, um refrigerante aqui, uma comida de fast-food, tudo isso contribuiu e muito para essa epidemia de obesos e obesas. obesidade Os alimentos industrializados tão presentes em nosso dia a dia podem se transformar numa bomba e comprometer nossa saúde. A doença ainda aumenta o risco de incidência de alguns tipos de câncer como o de mama, intestino, estômago e próstata.   Se nos adultos é um problemão, quem dirá a obesidade nas crianças. Além de o excesso de peso interferir na qualidade de vida delas por meio de doenças articulares, também podem surgir ainda transtornos alimentares como bulimia e anorexia. &n

29 de janeiro de 2016

Por Redação   Quantas vezes você vai ao banheiro? Costuma ter aquela sensação de inchaço e mal-estar que incomoda tanto e que deixa você irritada? Você, então, pode ser vítima da famosa prisão de ventre, também conhecida como “constipação intestinal”.   De acordo com a Federação Brasileira de Gastroenterologia (FBG), 20% dos brasileiros sofrem de prisão de ventre e as mulheres são as mais afetadas principalmente na faixa etária de 40 a 49 anos.   Sim, a prisão de vente é um incômodo e pode alterar nosso dia a dia. Os sintomas são bem fáceis de identificar: o desconforto abdominal, a sensação de barriga estufada e dores abdominais.   Há diferentes níveis de constipação: as passageiras, que ocorrem nas viagens, aquelas que nos afetam quando estamos doentes ou passando por fases de estresse e também as obstinadas, que tendem a se transformar em um problema duradouro.   Médicos consideram uma pessoa com prisão de ventre quando ela evacua menos do que três vezes por semana e, em pelo menos uma delas, é preciso um esforço enorme para fazê-lo.   O tratamento é realizado com remédios e exames são realizados para verificar se a constipação intestinal está relacionada a outra doença.   Alimentos como fast-food, refrigerante e doce são alguns dos vilões do intestino preguiçoso. Se você sofre de constipa

23 de dezembro de 2015

As sobremesas festivas podem ser apreciadas também pelos diabéticos. A Clínica Fares preparou algumas receitas Diet e fáceis de ser preparadas! Pudim Diet

  • 2 xícaras de leite desnatado
  • 5 colheres (sopa) de adoçante dietético para fogão (adoçante culinário)
  • 1 colher (chá) de essência de baunilha
  • 1 1/2 envelope de gelatina incolor em sabor
  • 1/4 xícara de água
  • 2 claras
  • 250 g de creme de leite light
  • Calda
  • 1/2 xícara de achocolatado em pó diet
  • 1 xícara de leite desnatado
  • 1 gema
  • 1 colher (chá) de maizena

Modo de Preparo:

  1. Coloque em uma panela o leite desnatado, 2 colheres de sopa de adoçante e a essência. Misture e leve ao fogo até levantar fervura. Retire do fogo e reserve.
  2. Hidrate a gelatina na á

Posted in dicas, nutrição by Larissa Garcia | Tags: , , , , , , ,
22 de dezembro de 2015

Receitas para não sair da dieta no natal e ano novo. Rabanada light Ingredientes: -1 xícara de leite desnatado -1 xícara de suco de uva -1 colher de sopa de adoçante culinário -1 ovo -1 clara -4 fatias de pão light amanhecido cortado ao meio -1 colher de sopa de leite em pó desnatado -1 colher de chá de adoçante em pó -1 colher de chá de canela em pó Modo de preparo: Em uma tigela, misture o leite, o suco de uva e o adoçante. Em um prato, coloque o ovo e a clara e bata com um garfo, até ficar homogêneo. Passe as fatias de pão no leite e depois no ovo. Coloque numa frigideira antiaderente aquecida e deixe dourar dos dois lados. Em prato, misture o adoçante em pó, o leite desnatado em pó e a canela e polvilhe as fatias de pão já douradas. shutterstock_178555418 Farofa: Ingredientes: -80g de cereal matinal sem açúcar triturado -3 colheres de sopa de cebola picada -2 cenouras raladas -3 claras de ovo cozidas e picadas -salsinha picada -sal e pimenta do reino a gosto -1 colher de

Posted in dicas, nutrição by Larissa Garcia | Tags: , , , ,
2 de junho de 2015

Quem nunca postergou a consulta ao médico, a realização de exames e os cuidados com a saúde? As alegações são quase  sempre as mesmas: falta de tempo, dinheiro, informação… Quase unanimidade a falta de atenção é uma das principais causas do diagnóstico tardio de diversas doenças e agravamento de quadros clínicos nos quais bastaria um simples exame para detecção e correto tratamento. Com base nesta constatação a rede Clínica Fares resolveu chamar a atenção das pessoas de uma forma descontraída e acaba de lançar a campanha de conscientização “Multa Saúde”. Até o final de maio equipes de promotores vestidos à caráter como “guardas” abordarão pedestres dos principais cruzamentos de avenidas da região de Santo Amaro, Zona Sul da Capital, além do estacionamento do Shopping Mais Largo Treze. Na ação a equipe perguntará sobre os cuidados com a saúde. Diante das respostas, aplicará “multas”. O objetivo da iniciativa é, de forma divertida, chamar a atenção sobre o cuidado com a saúde a importância da realização freqüente de check ups, consultas e exames. Reconhecida como uma das principais clínicas de atendimento multi especialidades no mercado nacional – a rede está capacitada a atender mais de 30 especialidades médicas com um corpo clínico com mais 300 especialistas, além de staff composto por colaboradores treinados e

Posted in nutrição by Larissa Garcia
2 de junho de 2015

Você sabia que um prato colorido é o segredo da boa nutrição? Os alimentos estão divididos em seis grupos de cores. Para cada grupo, existe uma propriedade e vitamina importante para a alimentação. Os alimentos que possuem a tonalidade de cor vermelha são ricos em licopeno. Esse nutriente garante a proteção antioxidante, ajuda na prevenção do câncer de bexiga, mama e auxilia no combate ao colesterol. Alimentos da cor roxa como berinjela, cebola roxa, repolho roxo, pimentão vermelho e rabanete. São fontes de antocianinas, substâncias que impedem a oxidação do LDL colesterol (colesterol ruim) nas artérias, protegendo o organismo de infarto ou acidente vascular cerebral (AVC). Os amarelos contêm betacaroteno, antioxidante que combate os radicais livres que, em excesso, podem levar ao câncer e ao envelhecimento precoce.Além disso, os alimentos amarelos têm substâncias que ajudam no processo de cicatrização. Já os alimentos brancos, são fontes de cálcio e potássio. Além disso, possuem propriedades anti-inflamatórias e antialérgicas. Entre esses alimentos estão a couve–flor, cebola, nabo, alho poró, nirá, palmito, aipo e repolho, broto de bambu, brotos de feijão. Os mais comuns são os que possuem tonalidade verde escuro, esses alimentos são ontes de luteína e zeaxantina, antioxidantes chaves no combate à probl

Posted in dicas, nutrição by Larissa Garcia
Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE