pediatria - Clinica Fares

Febre amarela: recomendações e vacinação

22 de novembro de 2017

A doença que é infecciosa febril de causa viral é transmitida por meio de mosquitos que tem dois ciclos de transmissão, o silvestre (FAS) e o urbano (FAU). Na mata (silvestre) os mosquitos gêneros Haemagogus e Sabethes são os que proliferam o vírus ao acometer os macacos (eles agem como hospedeiros do vírus) ou atacam seres humanos não vacinados que adentram seus habitat naturais, que normalmente, são áreas de matas. Na cidade (urbano) a doença é transmitida pelo mesmo mosquito que transmite a dengue, o Aedes Aegypti; vive em locais que apresentam água parada. Apesar disso, o vírus é o mesmo e desde 1942 não se tem registro de casos de febre amarela urbana no Brasil. Estudos apontam que as épocas que mais têm ocorrências da doença são entre dezembro e maio. Nestes meses de maior incidência de chuvas, há aumento de mosquitos que favorece a circulação do vírus. Apenas entre dezembro e agosto de 2017 , segundo o Ministério da Saúde, foram registrados 777 casos e 261 mortes recorrentes a febre amarela. Quais os sinais de febre amarela: O diagnóstico da doença pode ser realizado através da identificação de seus sintomas que podem ser confundidos até com uma gripe: Fase inicial • febre com calafrios • mal-estar • dor de cabeça • dores musculares fortes • cansaço • vôm

Posted in pediatria by Clinicafares | Tags: , , , ,
7 de setembro de 2017

A bronquiolite viral é uma doença que vem atingindo cada vez mais crianças de até dois anos. Ela é uma inflamação dos menores tubos que, dentro dos pulmões, levam o ar aos alvéolos, onde ocorre a troca de oxigênio por gás carbônico. Transmitida pelo ar, por meio do Vírus Sincicial Respiratório (VSR), seu maior índice ocorre em épocas de baixa temperatura, nas estações de outono e inverno. Isso acontece porque nessa época é normal ficarmos mais aglomerados em ambiente fechado, sem circulação de ar, gerando maior proliferação das bactérias. Para um adulto o VSR nada mais é do que um resfriado, mas no organismo de bebês e crianças, esse vírus ocasiona insuficiência respiratória, ou seja, dificuldade para respirar. Com o aumento de casos de bebês e crianças infectados pelo vírus, os responsáveis devem redobrar os cuidados, pois a contaminação acontece, principalmente, por beijo e toque com as mãos. Também é possível contrair por meio de objetos compartilhados, como utensílios de cozinha, toalhas ou brinquedos. O VSR é um dos principais responsáveis pelas infecções respiratórias em crianças menores de dois anos, sendo o causador de até 75% dos casos de bronquiolites.  Não existe um tratamento específico para a doença, cada caso deve ser analisado pelo pediatra e ele  indicará

Posted in pediatria by Clinicafares | Tags:
25 de agosto de 2017

As consultas de rotina são sempre muito importantes, principalmente, nos primeiros dois anos de vida, por inúmeras razões. Dentre os motivos, está o desenvolvimento infantil. Se algo não estiver indo bem no seu crescimento, quanto antes iniciados os estímulos, melhor resposta e desempenho terá a criança. E ninguém melhor do que o pediatra para orientar e tirar dúvidas do que é esperado ou não para cada faixa etária. Até porque, às vezes, crianças demoram a realizar algum aprendizado, somente por falta de estímulo. Como, por exemplo, aquelas crianças que ficam muito tempo em carrinho ou andador – vão demorar mais para andar; as que ficam com chupeta o dia todo, as que os pais não cantam, não conversam e apontam tudo com o dedo e recebem sem pedir – irão demorar mais para falar. Desta forma, uma orientação, os pais não devem realizar as atividades quando as crianças já são capazes de fazê-las. Sinais de alerta em crianças menores de dois anos Para tirar suas dúvidas, converse com seu pediatra e veja na lista abaixo alguns sinais nas crianças com até dois anos merecedores de atenção: 2 meses – não segu

Posted in pediatria by Clinicafares | Tags:
9 de agosto de 2017

São aquelas manchas que nascemos com elas. São usualmente identificadas no período neonatal quando ainda somos bebê, sendo a mancha mongólica uma das mais frequentes. Ela resulta aparentemente de uma falha durante a formação da pele. A sua incidência em recém-nascidos varia dependendo da cor da pele, sendo mais frequente em negros, asiáticos e hispânicos. A região mais comum de ocorrência é a sacrococcígea, seguida pelas áreas glútea e lombar. No caso de lesões extensas, os flancos, ombros e os membros inferiores podem ser acometidos. A lesão é caracterizada por uma mancha de coloração azul acinzentada, geralmente de formato oval ou arredondado, medindo cerca de 10 centímetros. Esta mancha é uma alteração bem conhecida e benigna, não causando maior preocupação do ponto de vista clínico e desaparecendo até a idade adulta. A importância do reconhecimento dessa lesão está na orientação adequada a ser feita aos pais das crianças. Eles muitas vezes ficam apreensivos por esperarem que seus filhos não apresentem nenhuma imperfeição ao nascimento.     Dr. Fabricio Freitas Medico: Dr. Fabrício Freitas

Posted in dermatologia, pediatria by Clinicafares | Tags:
25 de julho de 2017

O ferro desempenha um papel muito importante: é o responsável pelo transporte do oxigênio para as células e também contribui para a formação normal dos glóbulos vermelhos e da hemoglobina, que ajudam a levar o oxigênio necessário às células do  bebê. Uma deficiência em ferro provoca cansaço, anemia, diminuição da atividade intelectual e maior suscetibilidade a infeções. Mulheres que ingerem quantidades adequadas de ferro ao longo da gravidez têm um risco menor de dar à luz a bebês com baixo peso ou prematuros, além de apresentarem taxas menores de mortalidade por hemorragia pós parto. Muitas mulheres começam a gestação já com níveis baixos de ferro no organismo e acabam não conseguindo elevar essa quantidade para suprir as necessidades do corpo somente com a comida. Diante disso, a partir dos três meses de gravidez, é recomendando a suplementação de entre 30 mg a 60 mg de ferro por dia. A menos que se tenha ou venha a ter anemia, essa quantia é geralmente suficiente. O problema dos suplementos de ferro é que eles podem irritar seu trato intestinal, provocando prisão de ventre, um sintoma comum em gestantes. Outros efeitos colaterais são náuseas e, em alguns casos, mas raramente, a  diarreia. Se você sentir esses incômodos, converse com seu médico ginecologista para dis

1 de fevereiro de 2017

shutterstock_567899167Que tal aprender uma receita diferente e super saudável de papinha de brócolis e abobrinha para inovar o cardápio do seu filho(a)? O brócolis é rico em minerais, como o cálcio, potássio, ferro, zinco e sódio e composto por diversas vitaminas, como A, C, B1, B2, B6, K, bem como fibra alimentar. Já a abobrinha é fonte de vitaminas do complexo B e vitamina A. Potássio, fósforo, cálcio, sódio e magnésio. Vamos aprender a receita?   Papinha de  Brócolis e Abobrinha  Ingredientes: shutterstock_568014991250 g de brócolis 250 g de abobrinha 2 colheres de azeite de oliva 500g de legumes e verduras diversos para o caldo ½ cebola pequena Água filtrada.   Modo de Preparo: Em uma panela doure a cebola com uma colher de azeite de oliva, acrescente os legumes e verduras do caldo e a água. Tampe a panela e deixe os legumes e verduras cozinhar por 2 horas ou até formar um caldo. Quando o caldo estiver pronto, retire os legumes e use apena

Posted in nutrição, pediatria by Clinicafares | Tags: ,
4 de janeiro de 2017

É muito gostoso quando começamos a ouvir nossos filhos a falar, expressar suas vontades e sentimento, mas e quando essa

fala está fora do padrão esperado?

Uma fala ininteligível, enrolada, com trocas de letras? O que está acontecendo?

Durante o processo de aquisição de linguagem podem acontecer desvios fonético, fonológicos ou ambos, que interferem e muito

na inteligibilidade da fala da criança, necessitando de acompanhamento fonoaudiológico.

Para a criança falar corretamente, ela precisa ter todo o sistema muscular e estrutural da face, adequados e bem desenvolvidos.

A mordida tem de estar correta, o frênulo da língua, “freio” popularmente dito, deve estar no local correto, a musculatura não pode estar nem muito

rígida e nem muito flácida, a respiração deve estar adequada, a audição deve estar normal, a musculatura tem que apresentar boa precisão e coordenação

dentre outros fatores, para termos uma boa capacidbebenotelefoneade de articular os sons da nossa da nossa língua sem distorção.

Se notamos algumas dessas alterações a fala pode se apresentar com ceceio – onde temos a prolongação do som do “s

Posted in pediatria by Clinicafares | Tags: , ,

21 de dezembro de 2016

Os brinquedos podem trazer diversão e aprendizados para as crianças, mas você sabia que é importante tomar muito cuidado nas escolhas destes objetos?

Alguns brinquedos podem causar acidentes graves, que podem gerar sequelas para toda a vida ou até mesmo levar a óbito. Por isso, o aconselhável é comprar

brinquedos seguros para cada faixa etária das crianças. Veja algumas dicas que separamos para comprar e presentear com brinquedos:

– Preste atenção às etiquetas que  ficam nas cashutterstock_332375264ixas dos brinquedos. Todos devem apresentar obrigatoriamente, selo do Inmetro, que significa que o produto seguem as normas de  segurança;

– Oriente-se pelas informações que contém a etiqueta quanto a idade para a qual está aconselhado o uso do brinquedo, principalmente para menores de 3 anos de idade;

– Se você comprar bonecas, bonecos ou bichinhos de pelúcia, comprove que os olhos, as orelhas, etc. estão bem seguros;

– Evite brinquedos que tenham bordas afiadas, cortantes, ou pontas ou peças pequenas. Elas podem causar- engasgos. O brinquedo deve ser suficientemente grande para que não possa ser engolido;

– Tenha cuidado com

Posted in pediatria by Clinicafares

12 de dezembro de 2016

Todos nós sabemos que os adolescentes não devem consumir bebidas alcoólicas, certo? Mas, você sabe o motivo disso?

Se você acha que é apenas por ser menor de idade e ainda não responder pelos seus próprios atos, está bem enganado(a)!

Existe motivos muito mais sérios relacionados a saúde física, mental, social e emocional do adolescente que impendem essa prática.

shutterstock_319199939O adolescente não deve ingerir bebidas alcoólicas porque seu sistema nervoso central ainda está em desenvolvimento, sua vias neurais

são mais vulneráveis do que a de um adulto e, sendo assim, o uso de álcool pode prejudicar várias funções durante esse processo.

Portanto, o uso de álcool na adolescência pode trazer alterações e problemas como dificuldade de aprendizagem, problemas de memórias, dependência entre outros. Quanto mais cedo o adolescente começar a beber, maior o risco de surgirem conseqüências graves.

   

2 de dezembro de 2016

Qual será a hora certa de seu bebê começar a falar? Antes de responder essa pergunta, vamos pensar um pouco sobre o que é fala.

criancaadultoA fala é uma forma de linguagem expressiva, sendo apenas uma parte do desenvolvimento da linguagem oral do bebê, o qual se inicia muito antes das primeiras palavrinhas.

Por volta do 6º mês de gestação o sistema auditivo do bebê se forma e ele é capaz de ouvir a voz de sua mãe, de seu pais, músicas, assim como ruídos internos do corpo materno. Ao nascer, ele é capaz de reconhecer essas vozes, a entonação e a melodia de seu idioma. Portanto, a linguagem já começa intra útero (dentro do útero)!!

Nos primeiros meses de vida o bebê vai refinando sua capacidade de comunicação. Podemos dividir então em duas grandes fases: a pré linguística e a linguística.

Na fase pré linguística o bebê começa a diferenciar seu choro, que no início é igual para tudo, para um choro diferente para cada necessidade ou sentimento, como fome, sono, dor, frio….

Aos 4 meses inicia-se a vocalização – o balbucio, as trocas de olhares e os sorrisos. Esse é o 1º indício de comunicação com o adulto!

Entr

Posted in pediatria by Clinicafares

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE