Arquivos alimentos - Clinica Fares

A200: estudo detecta intolerância a mais de 200 tipos de alimentos

10 de maio de 2018

Temos o hábito de pensar que apenas o leite e o ovo causam intolerância alimentar. Porém, há muitos outros alimentos que podem ser causadores desses problemas. O Estudo de Intolerância Alimentar (A200) serve para ter uma diretriz dos alimentos que fazem mal para o organismo, pois o procedimento estuda a intolerância a uma lista com mais de 200 alimentos que podem ser os causadores dos problemas de saúde do indivíduo. Acontece que têm pessoas que apresentam quadros de inflamações crônicas de sensibilidade a alguns alimentos, por isso, o Estudo pode ser importante, para saber qual alimento proporciona esse problema e o ajudar no diagnóstico.

Como o exame é feito?

O Estudo é realizado através de uma análise computadorizada do sangue em um exame importado da Espanha e fica pronto, em uma média, de 20 dias.

Para quem o Estudo é indicado?

O Estudo é indicado, principalmente, para pacientes que apresentem: Problemas dermatológicos (ex. acne), gastrointestinais (ex. inchaço abdominal, diarreia), neurológicos (ex. dor de cabeça, tontura), psicológicos (ex. fadiga, ansiedade), além de pacientes com dificuldade para perder peso e alterações metabólicas.

Mas o que é intolerância alimentar?

A intolerância alimentar

Posted in nutrição by Clinicafares | Tags: , , , , , ,
15 de março de 2018

Continuando nossa lista dos mandamentos da boa alimentação infantil, vamos ao 10º:

10º mandamento da boa alimentação infantil: Jamais usar alimentos como castigo ou recompensa

A famosa frase “se não comer o brócolis, não vai ter sobremesa” nunca foi tão perigosa. A criança nunca deve ser premiada por fazer aquilo que nada mais é do que sua obrigação social e biológica. Além disso, a sobremesa, quando presente, pelo menos no dia a dia, não deveria passar de uma fruta. E quando a criança se força a comer algo que ela odeia para ganhar algo que ela gosta, estamos apenas ensinando-a a odiar mais o primeiro e valorizar mais o segundo. No futuro, como adulta, não é preciso pensar muito para saber qual será a escolha alimentar espontânea dessa pessoa. O que fazer: defina o cardápio, com opções saudáveis, incluindo a sobremesa, daquela refeição e respeite a aceitação da criança. Não mude a sobremesa conforme a aceitação da criança. Se ela não aceitar aquela refeição, espere a próxima sem culpa e sem preocupação. Dúvidas procure por seu pediatra! Você também pode acompanhar as demais dicas clicando nos links abaixo:

Posted in sem categoria by Clinicafares | Tags: , , , ,
22 de fevereiro de 2018

Na sequência da lista dos mandamentos da boa alimentação infantil, vamos a mais uma dica!

7º mandamento – Organizar número e tempo para as refeições

Principalmente em situações em que a crianças “não comem”, qualquer oportunidade vira uma tentativa de fazer a criança comer e as ofertas ficam desorganizadas, menos saudáveis e, muitas vezes, excessivas. O que fazer: desde sempre, estabeleça 3 grandes refeições, ou seja, café da manhã, almoço e jantar e 2 lanches (um no meio da manhã e um no meia da tarde). Algumas crianças mantém o hábito de tomar leite antes de dormir e desde que haja escovação correta dos dentes antes de dormir e que essas mamadas não se repitam pela madrugada, esse leite noturno pode ser oferecido sem problemas. Não oferte alimentos entres esses horários estabelecidos. Isso evita que a criança crie o hábito de comer fora de hora de beliscar o tempo todo e de comer sempre que ligar a televisão. Você pode acompanhar as demais dicas clicando nos links abaixo: 1º mandamento da boa alimentação infantil

Posted in pediatria by Clinicafares | Tags: , , , ,
Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE