Arquivos clínico geral - Clinica Fares

Soluço é sempre algo normal?

5 de janeiro de 2018

Definições

O soluço corresponde à contração muscular involuntária e intermitente dos músculos respiratórios intercostais e do diafragma resultando em uma rápida inspiração e terminando com o fechamento abrupto da glote, impedindo o influxo de ar e produzindo um som característico. Fenômeno, usualmente, benigno e transitório, os soluços acometem qualquer indivíduo, sem distinção de etnia, idade ou gênero, e não causam repercussões clínicas importantes. Em contrapartida, nos casos persistentes ou refratários, podem desencadear efeitos adversos significativos, como desnutrição, perda de peso, fadiga, desidratação, insônia e deiscência de feridas. Esse tipo de soluço também pode refletir a presença de doença de base grave.

Durante a consulta

Com base no conhecimento dos diagnósticos diferenciais, a história clínica, associada ao exame físico, poderá definir a investigação da possível causa envolvida no soluço. Alguns questionamentos devem ser feitos e as informações são de suma importância, devendo ser fornecidas ao médico.

Por exemplo:

Há quanto tempo ocorre o soluço? Em casos recorrentes com duração menor de 48 horas, é considerado transitório. O tipo persistente é definido por episódios recorrentes com mais de 48 horas e menos de 1 mês de duraç

Posted in clínica geral by Clinicafares | Tags: , ,
1 8 de dezembro de 2017

O que é o HIV?

HIV é a sigla para vírus da imunodeficiência humana. Este vírus é transmitido através de fluídos corporais afetando células específicas do sistema imunológico, conhecidas como células CD4, ou células T.

O que é AIDS?

Nos casos em que o paciente desconhece sua condição de portador ou deixa de realizar o adequado tratamento, a imunidade tende à diminuir ao ponto de permitir o desenvolvimento de diversas outras doenças, como infecções oportunistas ou alguns tipos de câncer. Portanto, o paciente além de portador do vírus HIV, também poderá receber o diagnóstico de AIDS, que significa síndrome da imunodeficiência adquirida. Logo, um paciente portador de HIV não necessariamente tem AIDS, mas um paciente com diagnóstico de AIDS é portador do vírus HIV.

Como o vírus é transmitido?

Existem diversas formas de transmissão do vírus, sendo a transmissão sexual a mais comum no Brasil. Dentre outras formas, podemos também citar o uso compartilhado de seringas entre os usuários de drogas injetáveis; a transmissão vertical, ou seja, de mãe para filho; transfusão sanguínea; acidente ocupacional, isto é, transmissão causada por acidentes no ambiente de trabalho com objetos pontiagudos, como agulhas.

Quais os meios de prevenção?

Um dos principais meios de prevençã

Posted in clínica geral by Clinicafares | Tags: , , ,
Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE