Arquivos tempo - Clinica Fares

Tempo seco: cuidados especiais com as crianças

9 de agosto de 2018

No inverno, a baixa umidade do ar pode trazer riscos à saúde das crianças. De acordo com a Organização Mundial de Saúde, alguns cuidados devem ser tomados quando a umidade relativa do ar atinge 30%. Inclusive, porque este tempo seco pode gerar doenças respiratórias ou agravar doenças que já existem. Com isso, se tivermos alguns cuidados, é possível evitar esse tipo de problema nos pequenos. Selecionei alguns cuidados para cuidar do seu filho no tempo seco: 1 –Dê bastante água para a criança. A água é uma substância essencial para o organismo e bom funcionamento do corpo humano desde a infância, pois é indispensável para a hidratação e evitar problemas respiratórios. Segundo o site Bebê Abril, é indicado:

  • Crianças de 6 a 12 meses: em média 800 ml a 1 litro de água por dia;
  • Crianças de 1 a 3 anos: em média 1,3 litros;
  • Crianças de 4 aos 8 anos: em média 1,7 litros.

Para as crianças maiores, pode ser interessante deixar uma garrafinha na mochila, para beber água sempre que estiver com sede. 2 – Durante o tempo seco, a pele da criança também pode ficar ressecad

Posted in pediatria, pneumologia by Clinicafares | Tags: , , , , , , ,
1 de fevereiro de 2018

Vamos continuar a lista dos 10 mandamentos da boa alimentação infantil. Agora, é a quarta dica! Acompanhe toda semana.

3 – Oferecer os alimentos com calma e dedicação, mas não por muito tempo

Com a rotina, muitas vezes, sobrecarregada não é incomum que as crianças entrem desde muito cedo na rotina corrida dos adultos. Quando a refeição da criança precisa ser rápida demais, as substituições por alimentos de mais fácil aceitação são comuns e perigosas. Se for demorada demais, a criança lança mão de comportamentos de recusa para se “livrar” mais rápido daquele momento, muitas vezes, estressante.

Dica

Estabeleça cerca de 20 a 30 minutos de refeição. Sendo 20 a 30 minutos para a refeição salgada e 10 minutos para a sobremesa (fruta) se houver. Não desista antes e não ultrapasse esse intervalo. Isso ajuda a não sobrecarregar a criança nem a família com o momento da refeição. A refeição é para ser prazer, um momento de saúde, mas também de convivência, alegria e aprendizado. Qualquer dúvida procure por seu pediatra! Você pode acompanhar as demais dicas clicando nos links abaixo: 1º mandamento d

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE