caminhar.jpg

22 de fevereiro de 2019 0

A caminhada é um exercício, simples, democrático e gratuito, todos podem caminhar. E para quem é portador de diabetes, a caminhada pode ser uma aliada nos cuidados com a saúde.

É possível que a prática rotineira da caminhada seja uma forma de tratamento para diabéticos e tem se mostrado benéfica, algumas vezes, para ajudar a regular os níveis de glicose e insulina no sangue, além de melhorar a circulação sanguínea.

Os portadores de diabetes tipo 1 e 2, após orientação médica para saber se podem caminhar, devem se atentar aos cuidados com os pés e evitar surgimento de feridas.

Abaixo, você pode conferir alguns cuidados para quem vai começar a caminhar e é portador de diabetes:

  • Procurar por seu endocrinologista para receber orientações, além de consultar um cardiologista para avaliação do coração;
  • Fazer exames oftalmológicos e verificar como vai à saúde dos olhos;
  • Definir um horário para caminhar todos os dias, usar roupas confortáveis e ter uma alimentação leve;
  • Antes de caminhar medir a glicemia, se estiver abaixo de 100 mg/dl esperar e reavaliar as taxas;
  • Sempre ter em mãos a carteirinha de identificação do diabético;
  • Durante o percurso, medir a glicemia e se necessário comer algum carboidrato;
  • Quando já em casa, dar uma olhada nos pés e caso encontre ferimentos, melhor esperar um pouco antes de caminhar novamente. Além disso, não deixar de tomar os remédios receitados.

Em qualquer dúvida, sempre busque orientação do seu endocrinologista de confiança, profissional preparado para te ajudar.

Dra. Michele Silva de Melo

Endocrinologista

CRM 120175