palpitação.jpg

17 de dezembro de 2018 0

O coração de um adulto, geralmente, bate de 60 a 100 vezes por minuto, quando esses batimentos mais acelerados são possíveis perceber. Este movimento diferente pode ser chamado de palpitação.

Alguns fatores podem desencadear a palpitação e deve-ser avaliado por um médico para diagnóstico e seleção do melhor tratamento. Contudo, há algumas situações que podem causar a aceleração do coração, como:

Uso de remédio

Remédios também podem provocar efeitos colaterais como as arritmias. Em situações como esta, é necessário consultar o médico para entender como proceder em relação a continuar com a medicação.

Bebida alcoólica e café

Beber refrigerantes, energéticos, café ou até alguns tipos de chá podem gerar o aumento da pressão arterial, já que, contém cafeína, aumentando a quantidade de sangue que circula nos tecidos e faz o coração acelerar.

Já as bebidas alcoólicas, podem causar diminuição o magnésio no organismo e fazer o coração bater de forma irregular.

Muito estresse

Batimentos cardíacos acelerados e sensação de aperto no peito podem ser respostas de emoções intensas de momentos de estresse, ansiedade, cansaço, nervosismo. Acontece que em momentos de estresse o organismo libera adrenalina, hormônio que aumenta a freqüência cardíaca.  

Prevenção

Para evitar esse tipo de situação é importante manter uma vida saudável, evitando assim ingestão de bebidas alcoólicas, fumar e estresse. Além disso, visitar o cardiologista é essencial se prevenir de doenças do coração.

Dr. Ricardo Luiz Haddad

Cardiologista e Membro do Corpo Clínico da Clínica Fares

CRM 77577