barulho-no-ouvido.jpg

15 de julho de 2019 0

Zumbido (tinnitus) é um fenômeno que afeta cerca de 20% da população e é frequentemente associado a perda auditiva (90% dos casos).

É um som percebido no(s) ouvido(s) ou na cabeça, principalmente no silêncio, atrapalhando muito a qualidade de vida da pessoa.

Os pacientes geralmente comparam o zumbido com barulho de cigarra, apito, concha, panela de pressão, chiado e cachoeira.

Quais são os sintomas do zumbido?

O zumbido pode vir acompanhado de:

  • Tontura (ou vertigem)
  • Insônia
  • Falta de concentração
  • Depressão
  • Ansiedade
  • Estresse
  • Intolerância a sons altos
  • Entre outros sintomas

Causas do zumbido:

Existem várias causas, entre elas:

  • 90% dos casos é por perda auditiva (infecções, lesões)
  • Exposição a sons altos
  • Envelhecimento natural das vias auditivas (presbiacusia)
  • Excesso de cera no ouvido
  • Efeitos colaterais de medicamentos
  • Hipertensão
  • Diabetes
  • Colesterol elevado
  • Alterações hormonais
  • Doenças neurológicas
  • Distúrbios psiquiátricos ou psicológicos
  • Problemas na articulação da mandíbula
  • Lesões na cabeça e pescoço
  • Estresse
  • Consumo excessivo de cafeína, tabaco e álcool
  • Neurinoma do acústico (tumor raro que acomete o nervo auditivo);

Como é feito o diagnóstico?

É feito por exclusão, começando por exames audiológicos, de sangue e se necessário de imagem (tomografia e/ou ressonância).

E o tratamento?

Varia de acordo com a causa, porém podem ser usados:

1- Adaptação de aparelhos auditivos, pois quando o paciente passa a ouvir melhor, a percepção do som desconfortável diminui;

2- Terapia de habituação do ouvido para acostumar o cérebro aos estímulos sonoros constantes a ponto de não mais notá-lo;

3 – Mudanças alimentares;

4 – Medicamentos;

5 – Acupuntura.

Recomendações

A queixa de zumbido não pode ser menosprezada, principalmente quando ocorre de início súbito. Sendo assim, é importante que o paciente procure o mais rápido possível um especialista, o fonoaudiólogo. Agenda agora sua consulta clicando aqui!

Dra. Flávia de Lourdes Alencar

Fonoaudióloga especialista em audição e otoneurologia e membro do corpo clínico da Clínica Fares.

CRFa 19629