Como saber se estou com dengue - Como saber se estou com dengue
dengue-pessoa.jpg

11 de janeiro de 2019 0

O grande calor e as fortes chuvas, presentes no verão, são fatores que favorecem a proliferação da dengue, um vírus que é transmitido por um mosquito chamado Aedes aegypti.

Geralmente, quando a pessoa é contaminada pelo mosquito, surgem alguns sinais que evidenciam a contaminação. Abaixo, você pode conferir três sinais e sintomas que levam a suspeitar da dengue:

1 – Febre mais alta

Um dos primeiros sinais da dengue é a febre alta, em torno de 39º e 40º, que pode surgir de repente. Geralmente, dura em torno de 2 a 7 dias.

2 – Dores

As dores no corpo, de cabeça e atrás dos olhos são bastante acentuadas em pessoas contaminadas pela dengue. Além disso, pode haver dores nas articulações, músculos e ossos, fraqueza, cansaço, náuseas e vômitos, causando perda de peso.

3 – Sangramentos ou hemorragias

Esses sangramentos são sinais sinais de alerta, pois é a forma grave da dengue e geralmente acomete pessoas que já tiveram essa doença.

A dengue hemorrágica pode se manifestar através de sangramentos pelo nariz, gengiva, fezes e urina, além de ter outros sintomas, como dores abdominais, que podem indicar sangramento dentro da barriga, perda de líquido da circulação sanguínea e manchas vermelhas na pele.

Os horários dos ataques acontecem entre 7h30 e 10h00 e entre 15h30 e 19h00, pois, o mosquito se esconde nas horas mais quentes do dia; ele pode picar à noite também. Como há grande quantidade de luz elétrica, isso estende o período de atividade da espécie.

Acrescenta-se que o mosquito da dengue voa baixo, em média 1,20 metro de altura. A orientação é passar o repelente de hora em hora ou usar uma polaina impermeável que dificulte a picada, mesmo se estiver usando calça comprida, pois a “probócide” é o órgão que o inseto usa para sugar o sangue e atravessa até o tecido.

Prevenção

Para evitar a dengue é preciso realizar a prevenção: evitando o acúmulo de água parada, onde os mosquitos costumam colocar seus ovos.

Além disso, de acordo com um estudo recente do Ministério da Saúde, a dengue pode ser uma ameaça para este ano, por isso, em qualquer suspeita de sintoma da dengue é importante procurar por ajuda médica, porque os sinais da dengue podem ser confundidos com os de outras doenças virais.

E o quanto antes houver o diagnóstico, há mais chances de ter um tratamento eficaz!

Dr. Antonie Honain

Clínico Geral e Membro do Corpo Clínico da Clínica Fares

CRM 37134